Algumas Distros Brasileiras

Existem várias distros de linux espalhadas ao redor do mundo, e isso não é diferente aqui no Brasil, a única diferença é que aqui só duas se destacaram, que foram o Mandriva e o Kurumin. Mas ao decorrer do texto iremos mencionar outras com suas vantagens e desvantagens.



1. Dream Linux
dreamlinux_logo.jpg
O Dream Linux pode ser inicializado pelo CD ou facilmente ser instalado no HD, como várias outras distribuições. Ele vem com com vários aplicativos para suas necessodades diárias, o Dream como várias outras distros é baseada no Debian e no Morphix, o que quer dizer que ele leva uma certa vantagem em melhorias em ferramentas de desenvolvimento do que outras brasileiras.
Sendo um sistema modular (aberto) permite-se que o próprio usuário adicione ou remova seus aplicativos preferidos ou mais usados, formando uma nova distro com suas necessidades. Abaixo está uma imagem mostrando a aparência dessa distro.

screenshotdesktopV3.jpg

Fonte: www.dreamlinux.com.br




2. Kalango
kalango_logo.jpgO Kalango é uma distribuição GNU/Linux baseada no Debian, ele é inicializado pelo CD, como várias outras distribuições, mas pode ser perfeitamente instalado no Hard Disk do PC.
Essa distro tem um grande acervo de aplicativos disponiveis, que suporta as necessidades dos usuários, seja ele residencial, corporativo ou governamental.
Ao dar o boot pelo CD, ele reconhece todos os seus drivers, eles sendo compativeis ou não com o sistema, ele configurará tudo e deixará rodando em perfeitas condições. Se você estiver conectado em uma conexão DHCP, o sistema ter configurado e você poderá acessar normalmente a internet, sem nenhuma configuração adicional.
O objetivo dela é o facilidade de uso, para isso foi simplificado, pelos seus desenvolvedores, todo o sistema de modo que um usuário com pouca experiência possa acessar ferramentas e aplicativos que são usados no dia-a-dia como acesso a internet, escultar músicas, ver vídeos e outros. Uma grande ajuda para isso acontecer foi a organização e a padronização dos menus.
O ambiente padronizado é o KDE (K Desktop Environment) que é um completo desktop, acompanhado com um painel de controle com várias funções e aplicativos. Abaixo está uma pequena demostração do Kalango.

kalango_desktop.jpg

Fonte: http://distrowatch.com/table.php?distribution=kalango



3. Kurumin
kurumin_logo.png
O kurumin é uam distribuição desenvolvida pelo equipedo Guia do Hardware e colaboradores. Ele, como a maioria das outras distribuições, é aberto, livre podendo ser alterado do jeito que o usuário deseja ou necessita. Ele tem partes do Knoppix, e depois usando alguns componentes do Kanotix, além de ser basiado no Debian.
O Kurumin foi, por algum tempo, uma das distribuições mais usadas do país, entretanto por falta de investimentos e por cobraça de melhorias de suas ferramentas e aplicativos foi descuntinuada pelos seus desenvolvedores em 2008.
Mas com o acompanhamento do Debian Etch, o Kurumin teve algumas pequenas atualizações em 2008 e 2009. O lançamento do Debian Lenny em fevereiro de 2009 foi marcado a o fim do ciclo de manutenção e atualizações do Kurumin. Logo a seguir está uma demonstração da distro.
kurumin_desktop.jpg

Fonte: http://www.gdhpress.com.br/kurumin/



4. Muriqui
muriqui.jpg

Inicializado parautilização interna, o Muriqui Linux tinha como pricipal objetivi atingir as necessidades dos laboratórios, por isso ele tem um ambiente mais eduacacional e inclusão social, área onde concentra-se os projetos da DoctunTec.
A versão do Muriqui Linux 1.4 teve teve seu completo desenvolvimento em suprir as necessidades de seus usuários, e ainda fortalecer o crescimento da tecnologia livre brasileira.
Com essas vantangens, nesses dois últimos anos, o Muriqui Linux recebeu vários elogios e parcerias, que o torna ainda mais forte no mercado.
Hoje o Muruqui possui 70 aplicativos para diversos tipos de usuários, um reconhecimento automático de drivers mais preciso, segurança e estabilidade em seu sistema, um sistema de ajuda ao usuário em português e, o mais interessante, ele vem com vídeo aulas de como usar o sistema. Abaixo está uma pequena visualização do sistema.

muriqui_desktop.jpg


Fonte: http://www.muriquilinux.com.br
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/23-distribuicoes-Linux-brasileiras/



5. Mandriva Conectiva

mandriva.pngO Mandriva Conectiva é a fusão entre o Mandriva, desenvolvedora e distribuidora so sistema operacional, e a Mandrakesoft, uma das principais distribuidoras Linux da Europa, e a Conectiva, pioneira em distribuição Linux com código fonte aberto, livre na América Latina, em 2005.
O Mandriva Conectiva, de longe, é a distribuição brasileira mais usada. Destaca-se por oferecer uma documentação totalmente em portugues e por possuir várias ferramentas e aplicativos como linuxconf, que gerencia melhor o sistema. E as novidades são o GCC 3.3.3, o KDE 3.2.3, Kernel 2.6.5, entre outros. Abaixo está uma pequena desmostração do sistema.

na.jpg

Fonte: http://www.mandriva.com.br/
http://www.linuxnarede.com.br/conceitos/distros/linux_conectiva.php



6. Librix
librix_lo.jpg
O Librix é uma distribuição Linux desenvolvida pela empresa Itautec, com os configurações diferenciais para a implemetação segura do sistema em uma empresa.
Essa distribuição é mais voltada para o mundo empresarial, ele é o único sostema que oferece um conjunto de software para a segurança, suporte, manutenção e confiabilidade dos sistema. Possuem os melhores pacotes de aplicativos para o mercado, tudo testado e selecionado pela Itautec.
Ele ofereve segurança para qualquer tipo empresarial, tem grandes chances de crescer no mercado por causa de suas vantagens operacionais e por ter uma empresa de grande porte financiando o projeto. A seguir está uma pequena visualização do sistema.
librix.jpg

Fonte: http://www.itautec.com.br/
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/23-distribuicoes-Linux-brasileiras/



7. Ekaaty
joomla_logo_black.jpgO projeto do Ekaaty é, principalmente, voltado para os desktops, proporcionando uma versão mais leve dos sistema, consumindo bem menos espaço em disco e recursos do sistema.
Ele foi lançado sobre a GPL ou General Public Lincese, que o classifica como software livre. Dessa maneira o usuário pode criar, modificar ou até mesmo substituir aplicativos e ferramentas que são de mais utilidades para o seu uso.
O Ekaaty é muito atrativo para estudantes, pequenas empresas e entusiastas do Linux, ele vêm com o KDE e o BrOffice, um dos aplicativos de escritórios multiplataforma mais completo do mercado. Abaixo está uma pequena demostração, ilustrativa, do Ekaaty.

ekaaty.jpg


Fonte: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/23-distribuicoes-Linux-brasileiras/



FONTE GERAL: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/23-distribuicoes-Linux-brasileiras/